Blog do Itamar

Atormentada pelo barulhos de chibatas, cadeirante deixa casa própria para morar noutra área da cidade

Resultado de imagem para apavorada

Atormentada pelos excessivos estalos provocados por chibatas, os chamado relhos de Carnaval, uma moradora antiga da Rua Santo Antonio, localizada no Centro de Afogados da Ingazeira acabou deixando sua casa para morar noutra via da cidade.

Farta da poluição sonora provocada por fortes estalos, a Rua Santo Antonio vive um inferno. A aposentada Socorro Queiroz, que é cadeirante e morar na rua há mais de 20 anos, não suportou o barulho excessivo que vai desde as primeiras horas da manhã, até a  noite.

Sem uma portaria ou coibição por parte do Ministério Público de Pernambuco – MPPE, crianças e adolescentes continuam tirando o sossego de muita gente na cidade. Urge a formulação de um plano de atuação, para adotar todas as medidas necessárias e possíveis.

Enquanto fecham os olhos para a situação, moradores sofrem incômodos intoleráveis, inda mais em horários inconvenientes. Chamamos a atenção dos representantes do Ministério Público!

Facebook
Facebook
TWITTER
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *