Powered by free wordpress themes

INÍCIO / Política / BUEMBA, BUEMBA, MENINOS EU VI!!!

Powered by free wordpress themes

BUEMBA, BUEMBA, MENINOS EU VI!!!

ZÉ GAFEOU…

Ao tempo em que enalteceu a tropa do 23º Batalhão, o prefeito de Afogados da Ingazeira, Zé Patriota (PSB), despromoveu o vereador Subtenente Argemiro para o posto de soldado. Abarrotado cum magote de nomes para os cumprimentos formais na solenidade de inauguração da Delegacia da Mulher, ocorrida na sede da Área Integrada de Segurança, na menhã de sábado (04), o Chefe do Executivo chamou inté o vereador Wellington JK de governador. Zé tava inspirado que só a molesta. Os óim contidos na feição desfeiçoada de visão de águia, ‘visuou’ a professora Socorro Dias em meio a platéia, o poeta Antonio Marinho na mesa das arturidades e ainda o comandante do 23º BPM Ten Coronel Sá que estava um pouco distante. Zé ainda ‘vigariou’ sem a batina, ao expressar publicamente que prefeito nenhum deve ‘arengar’ cum governador, nem tombém Polícia Civil, Bombeiro e Polícia Militar devem se desentender. O danado contemplou na fala, o Coronel Moraes, os moradores do São João e concluiu agradecendo ao governador, a Gonzaga Patriota e João Campos, este último não se sabe por quê. Oxe!

PÁDUA SE ENGASGOU

O Secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua, disse que o governador Paulo Câmara avançou muito na segurança do estado nos últimos meses. Pádua falou da contratação de 1.500 novos policiais militares contratados em setembro, mais 1.322 alunos que estão no curso de formação de Praças, que serão nomeados no primeiro trimestre de 2018, além de 1.280 policiais civis estão na Academia da Polícia Civil e serão nomeados até o dia 31 de janeiro de 2018. Segundo o Secretário, a chegada desses policiais juntamente com a polícia Científica, torna-se possível fazer a interiorização do Instituto de Criminalística – IML. O secretário se engasgou na pronuncia da palavra ‘vulneradas’, ‘vulneralizadas, oxe inté minhas mal tecladas letras iam se enrolando. Pia, é vulneráveis.

GONZAGA ‘PRIMEIOU’

 Resultado de imagem para gonzaga patriotaAo fazer o uso da fala na inauguração da Delegacia da Mulher, o deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) saudou o governador Paulo Câmara, seguido da saudação ao prefeito de Afogados da Ingazeira, Zé Coimbra, a quem o deputado diche que era primo terceiro, mas adispois que virou prefeito passou a ser primo ‘premeiro’. Eita molesta. Ele fez questão de anunciar o presente de mais de 4 milhões para Afogados. O socialista lembrou ainda que sua filha estava aniversariando na sexta, mas por motivos de agenda não pôde dar a devida atenção. No discurso, Gonzaga falou que Paulo Câmara é amarrado que só a molesta, mas deve ser assim mesmo. No seu 9º mandato, o deputado disse abertamente que quer ainda exercer mais 9 mandatos no Câmara. Não se sabe é se o povo vai reconduzi-lo a tantos mandatos. Peraí deputado, o senhor quer demais!

ANTONIO ANTONIOU…

Resultado de imagem para TOTONHO VALADARESAo ser convidado para se assentar na mesa das arturidades, na solenidade de inauguração da Delegacia da Mulher, o ex-prefeito de Afogados da Ingazeira, Antonio Valadares foi ovacionado com direito inclusive a gritos. Cambaleando devido a problemas nas pernas, Antonio continua com certa popularidade no município. O brilho de Zé ‘desalumiou’ grande parte dos feitos de Antonio, mas ainda sobrou um bilisquim. Mesmo dentro do grupo, Antonio continua sendo uma ameaça, quando se fala em sucessão, isso porque não engole como foi feito o processo de escolha para a indicação da vice, que culminou com a vitória de Alessandro Palmeira. Se quiser ter uma esperança de deixar o espólio eleitoral comandando a prefeitura vai ter que aguardar ainda o desenrolar das eleições de 2018, torcer pela derrota de Câmara e que Zé Coimbra seja eleito deputado. Cum afastamento de Zé, Sandrinho assumiria e cum a ausência de Zé as articulações do fogo amigo seriam feitas nos bastidores.

O FIGUEIRA COCHICHOU…

Durante os discursos da Secretária Estadual da Mulher, Sílvia Cordeiro e do deputado federal Gonzaga Patriota os secretários de estado, Antonio Figueira e João Campos passaram quase o tempo todo cochichando. Não se sabe o que danado eles tanto labiavam, mas o assunto tava bom demais. Nossas câmeras registraram a conversa de pé de ouvido das duas personas pernambucanas. Na oratória de Paulo Câmara, a coisa foi ‘deferente’, porque todos estavam de ouvidos antenados.